Depois de um razoável hiato e um longo e tenebroso inverno aqui em Nova York, reabro com muito prazer as portas do Overcast!

E agora com uma proposta um pouco diferente! Primeiro porque preciso levar em consideração que não tenho mais a intimidade geográfica para dirigir programas como o Verdades Absurdas ou Muito Amor e segundo porque o cenário de podcast mudou muito desde que as portas foram oficialmente fechadas dois anos atrás.

O Overcast continua procurando prover uma variedade de formatos de programas em áudio. Eu adoro descobrir novos e interessante formatos e o que me levou a criar o Overcast foi justamente para transformar em realidade aquilo que eu procurava e não existia. Gosto de formatos estruturados que fogem do simples bate e papo e de programas que trazem uma proposta única desde a pré-produção. Esse trabalho de curadoria para podcasts afiliados eu ainda dividirei com as produções in-house novas.

Meu foco sempre foi a criação e o operacional, mas agora vou também dar uma atenção maior ao público. Quem é ouvinte antigo e acompanha o Overcast talvez já tenha desconfiado que eu nunca fui amigável com os fãs ou seguidores da rede. Bem... isso vai mudar a partir de agora. Nessa nova fase estarei 15% mais engajado com o público do Overcast... e de uma forma positiva até. Dito isso, vamos tirar alguns elefantes brancos da sala:


gumbo_titulo_pagina2_id7 greenroom_360  jc_360

Coisas que subiram no telhado: Gumbo Podcast, Green Room e Jogando Conversa. Também não tenho intenção de retornar com o braço de produção de vídeo do Overcast. Os fãs do De Quem É A Vez? no entanto não devem perder as esperanças, pois Rafael Studart tem interesse em retomar essa produção com minha bênção. O Verdades Absurdas também é um que pode voltar a qualquer momento.

logo600x600 eutavala600x600bb logo_audios_vaz_600 logomapa_600

O fato a é que em apenas duas semanas de preparação já vamos reabrir a casa com três produções novas e um podcast afiliado. Outros podcasts estão sendo propostos e agora é só muito trabalho bom pela frente!

Pode vir!

Domingo a gente começa!

Alexandre Nix